domingo, 27 de novembro de 2011

Atirado um “very-light” para a cobertura do nosso Estádio.


O Sporting Clube de Portugal lamenta as condições proporcionadas aos seus adeptos no Estádio da Luz.


Desde o início que o Benfica tinha conhecimento, face ao número de bilhetes vendidos, da quantidade de adeptos do Sporting que iam estar presentes no Estádio.

Colocar cinco pontos de acesso para a revista de todos os adeptos revela, claramente, uma vontade expressa de provocar uma entrada tardia, gerando tensões completamente evitáveis. Paralelamente, as condições dispensadas aos adeptos que pagaram o seu bilhete são no mínimo lamentáveis, quer pela falta de acesso de alguns sectores a unidades sanitárias, quer a bares, não sendo possível, sequer, comprar uma garrafa de água.

Para além disto, constatou-se uma sobrelotação do espaço disponibilizado aos adeptos do Sporting, indiciando assim que o número de lugares disponíveis era bastante inferior ao dos bilhetes vendidos para aqueles mesmos sectores.

Foi claro, para quem esteve junto dos adeptos, que a rede colocada prejudica claramente a visão.

É lamentável, pelas razões referidas, que um clube como o Sport Lisboa e Benfica receba a equipa visitante deste modo inqualificável. O espectáculo deve registar-se dentro do campo e não em atitudes exteriores, que pouco dignificam o futebol português.

O Sporting Clube de Portugal reitera que, face às condições encontradas, a decisão da Direcção de se juntar aos adeptos, e de sentir directamente as condições que lhes eram facultadas, foi a mais acertada, e as palavras proferidas pelo vice-presidente Paulo Pereira Cristóvão expressam bem a nossa indignação.

O Sporting Clube de Portugal tem rosto, o seu vice-presidente este sábado representou-o, e não se esconde atrás de declarações de funcionários da comunicação.

Por outro lado, a Direcção do Sporting Clube de Portugal não se revê nos danos causados após o jogo e igualmente condena o facto de, ainda nesta mesma noite, ter sido atirado um “very-light” para a cobertura do seu Estádio.

Luís Godinho Lopes
Presidente do Conselho Directivo

5 comentários:

  1. Mais de 1000 dias a serem enrabados!!!

    Andaram um mês a se motivar... e kabum... levaram nos cornos.

    Eu até acredito que cheguem ao Natal... mas na primeira quinzena de janeiro, digam adeus ao campeonato (Porcos e Braguinha).

    ResponderEliminar
  2. Ó anonimo filha da puta só te digo que gostava que passases a tua eliminatoria da taça e que fosses a alvalade que eu para eu te dar uma padrada nesses cornos cabrão!

    ResponderEliminar
  3. Fogo no inferno são peanuts!27 de novembro de 2011 às 14:15

    Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar
  4. Quando forem a Alvalade saem pelo fosso a começar pelo porco do João Gabriel

    ResponderEliminar
  5. Your way of describing the whole thing in this post is in fact pleasant,
    all be capable of without difficulty be aware of it, Thanks a lot.


    Look into my website: random acts kindness

    ResponderEliminar